Violações de direitos humanos ocorrem todos os dias nos territórios. Mas o que faz com que um acontecimento, dentre tantos outros do cotidiano, vire notícia? E como imprimir sentido de denúncia em locais onde as violações são tão rotineiras?

Na 1ª edição do #RedaçãoAberta, a gente recebeu a jornalista da Ponte Jornalismo, Maria Teresa Cruz, pra debater como, quando e por que contar uma determinada história ou denúncia, como dar um tratamento adequado para vítimas de violência e quais posturas de segurança tomar se você mora no ambiente em que está essas violações acontecem.

O evento contou com mais de 50 jornalistas e não-jornalistas, trocando conhecimentos e vivências e experimentando coletivamente na prática estratégias para lidar com o tema.

Conteúdo

Áudio

Cobertura

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s