Quem conta as histórias que chegam até você? Se olharmos para os números, a falta de diversidade é nítida: na literatura, por exemplo, entre 2004 e 2014, apenas 2,5% dos autores não eram brancos e só 4,5% dos protagonistas da história eram negros; nas redações, 72% dos jornalistas são brancos e mulheres somam só 37% do mercado. Num recorte de território, o Brasil também vive uma crise de cobertura jornalística: 30 milhões de brasileiros vivem em “desertos de notícias”, sem veículos locais que escrevam sobre a região.

Como resultado, acabamos consumindo um conteúdo feito por e para pessoas que não conhecem vivências diversas. Como romper a falta de diversidade e ampliar as narrativas existentes? A 6ª edição do Redação Aberta explora as interseções entre narrativa pessoal e jornalismo. Como os dois podem se unir para desafiar as narrativas dominantes e como podem ser usados como ferramenta para construir comunidade?

Pra discutir sobre o assunto, recebemos o jornalista e escritor Alexandre Ribeiro e a cantora e compositora Nayra Lays, ambos formados pela Escola de Jornalismo da Énois em 2016. Além da dupla, o jornalista Tony Marlon, comunicador e educador popular entra na conversa pra discutirmos a importância de contar nossa própria história, seja no contexto social ou territorial.

Áudio

Conteúdo

Cobertura

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s