O Instituto Clima e Sociedade (iCS) e a Énois vão trabalhar juntos para estimular o olhar para as juventudes e as periferias em relação à emergência climática.

A parceria é no sentido de buscar formação e informação para que a agenda climática seja acompanhada de forma mais próxima pelos veículos das periferias e, ao mesmo tempo, a presença e as provocações dessas equipes ligadas aos territórios periféricos e a impactos mais diretos na vida das pessoas também gere discussões e ações em outro nível, que de alguma forma ajudem a informar e transformar a agenda de mitigação dos efeitos e proteção dos grupos e regiões mais vulneráveis às mudanças.

Pautas selecionadas

Os dois repórteres selecionados são Michel Silva, do Rio de Janeiro, e Kayam Mendes, de São Paulo. As reportagens irão investigar o impacto do aumento de temperatura em áreas periféricas em relação à saúde da população e saneamento básico e como as mudanças climáticas estão afetando a distribuição e o acesso à água na periferia. As produções serão publicadas no Favela em Pauta e Periferia em Movimento, além de veículos parceiros da Énois.

Os dois repórteres selecionados irão acompanhar a Conferência das Nações Unidas sobre o Clima (COP) em Madri, e lá analisar as ações, as discussões e o perfil dos participantes, buscando também conhecer a agenda e as fontes oficiais na discussão sobre mudanças climática e entender como se comunicam – ou não – com as realidades cotidianas e periféricas. A editora da Agência Énois, Jessica Mota, também viajará ao evento para acompanhar as discussões e apoiar a reportagem na apuração e produção.

A COP é a conferências das partes, uma reunião anual em que todos os países membros da ONU se reúnem para avaliar as ações dos acordos climáticos que foram decididos. A reunião de 2019 será em Madrid, mas presidida pelo Chile. Além das ações governamentais em relação às ações climáticas, o evento também tem encontros entre os governos, movimentos sociais e cientistas que estão pesquisando e trabalhando em relação à crise climática.

Depois da conferência, os repórteres participarão de um Redação Aberta, evento que discute como é feito o jornalismo, que vai tratar da cobertura da imprensa e a agenda e as ações climáticas locais para ampliar a troca de ideias entre os jornalistas – especialmente os focados em cobertura local – sobre como melhor conscientizar e produzir impactos na sociedade em relação à emergência climática.

Informações do edital

Esse documento traz as regras e informações básicas de seleção de duas pautas sobre emergência climática nas periferias do Brasil a serem publicadas em veículos das periferias. Os repórteres selecionados vão acompanhar e questionar a COP (Conferência do Clima na ONU), em Madrid, e participar de um Redação Aberta, evento aberto para discutir as ações propostas na COP e a cobertura jornalística em relação às mudanças climáticas.

Datas importantes

  • Lançamento do edital: 19/11
  • Inscrições: 24/11
  • Resultado: 26/11
  • Contato com os vencedores: 28/11
  • COP: 2 a 13/12
  • Apuração e redação das reportagens: janeiro e fevereiro de 2020
  • Entrega da versão final: 24/02/2020
  • Publicação: a partir de 02/03/2020

O quê: desenvolvimento de duas reportagens sobre a crise climática nas periferias, a serem publicadas em veículos das periferias e em parceria com o UOL e participação na COP (Conferência do Clima na ONU), em Madrid, de 2 a 13 de dezembro de 2019.

Quem: jornalistas das periferias do Brasil, que sejam de iniciativas de jornalismo das periferias ou tenham uma parceria de publicação com algum veículo periférico específico para a reportagem que vão produzir sobre clima.

Pré-requisitos: ter passaporte válido, disponibilidade de viajar a Madrid entre 02 e 13 de dezembro de 2019 e participar de um Redação Aberta em janeiro de 2020 para falar sobre a cobertura.

Apoio editorial: a Énois vai ter uma editora à disposição para acompanhar todo o trabalho de reportagem e o evento de discussão sobre a cobertura.

Apoio técnico e logístico: a equipe do iCS fará a produção da viagem e estadia à COP, orientando os jornalistas quanto ao evento e ficando à disposição também para falar de dúvidas de estrutura e técnicas, em relação ao evento e à agenda climática. Todos os custos logísticos da viagem (transporte e acomodação) serão pagos pelo ICS.

Apoio financeiro: os dois repórteres selecionados via este edital receberão uma bolsa-reportagem no valor de R$ 3 mil via emissão de nota (MEI) para produção do texto/vídeo e/ou fotos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s