Redação Aberta é um espaço de oficinas onde jornalistas e cidadãos se reúnem para discutir questões, compartilhar recursos e conhecimento e aprender a relatar e investigar histórias em seus territórios.

O projeto é uma parceria com o City Bureau – um laboratório de jornalismo cívico sem fins lucrativos baseado em Chicago, nos EUA – para implementar o programa Public Newsroom, que discute, debate e desconstrói o jeito que comunidades são reportadas (ou não) na mídia, trazendo-as para o processo de construção de informações que irão melhor atendê-las.

No final de 2018, o City Bureau recebeu a co-fundadora da Énois, Nina Weingrill, durante sua bolsa do ICFJ (International Center for Journalists Fellowship), para desenhar a parceria. A Énois vai usar a metodologia do programa para preparar jornalistas e suas comunidades para a cobertura das próximas eleições municipais, em 2020.

As oficinas acontecem uma vez por mês na sede da Énois e em locais parceiros, são gratuitas e projetadas de acordo com os valores do Public Newsroom, utilizando as ferramentas de engajamento desenvolvidas pelo City Bureau.

Vamos compartilhar nossas descobertas ao longo de 2019 – fique ligado!

Ouça os encontros em diferentes plataformas de streaming:

PRÓXIMO ENCONTRO

Redação Aberta 8
Data: 31/10/2019 (quinta) | 19h às 22h
Local: Casa do Povo (Térreo) | R. Três Rios, 252, Bom Retiro
Gratuito

Eventos passados

#7 | Como funciona a internet?

Com Gabriela Juns, da Escola de Ativismo

#6 | Como contar sua história da quebrada pro mundo

Com Alexandre Ribeiro, escritor; Nayra Lays, cantora; Tony Marlon, educador popular

#5 | Credibilidade no jornalismo, desinformação e democracia

Com Angela Pimenta, do Projeto Credibilidade

#4 | Liberdade de Imprensa na Era Digital

Com Jane Kirtley, da University of Minnesota, Vagner Alencar, da Agência Mural e Nina Weingrill, da Énois

#3 | Jornalismo independente e mercado de trabalho

Com Ana Flávia Marx, do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé

#2 | O que a Lei de Acesso à Informação pode fazer por você?

Com Marina Atoji, da Abraji e Priscila Pacheco, da Agência Mural de Jornalismo das Periferias.

#1 | Como cobrir violações de direitos nos territórios

Com Maria Teresa Cruz, da Ponte Jornalismo