Prato Firmeza

O guia gastronômico das quebradas

Segundo a São Paulo Turismo, a cidade tem mais de 12 mil restaurantes. Bares? Mais de 15 mil. Padarias? Três mil. No entanto, a grande imprensa tende a explorar os eixos mais ricos e centrais da cidade.

Prato Firmeza: o guia gastronômico das quebradas” nasce como um serviço pra quem come e empreende na periferia. Mas também com um papel político importante: mostrar que a cidade é maior do que o que se passa entre as marginais. E que a “meca gastronômica” estava sendo subestimada. São Paulo tem um cardápio farto pra oferecer – custando bem menos.

🏆 Nosso guia conquistou o 6º lugar no Prêmio Jabuti 2017, maior premiação literária do país. Além disso, a gente também ganhou o título de Menção Honrosa no 20º Troféu São Paulo Capital da Gastronomia na categoria Guia Impresso ou Eletrônico.

🏆 O segundo volume do Prato Firmeza recebeu o prêmio do 21º Troféu São Paulo Capital da Gastronomia na categoria Guia Impresso ou Eletrônico.

As três primeiras edições do guia, tem resenhas produzidas pelos jovens, também moradores das periferias de São Paulo, em formação pela Escola de Jornalismo da Énois. Eles investigaram suas quebradas e descobriram mais de 200 estabelecimentos dignos de foto no Instagram – de veganos anárquicos e saborosos, como a Casa da Lagartixa Preta, em Santo André, a japoneses com cara de Liberdade, como o Ville Japan, no Jardim Marcelo, extremo sul de SP. As duas primeiras edições foram contempladas pela Lei de Incentivo à Cultura e têm aporte financeiro do Atacadão.

terceiro volume foi lançado no final de 2019 e foi além das dicas de bons lugares pra comer. Desta vez, a gente ofereceu também opções de lazer nas quebradas de São Paulo, onde é possível estar em família. Essa edição conta com apoio financeiro da Cargill e apoio de divulgação da Feira Preta.

Equipe Volume 1
Equipe Volume 2
Equipe Volume 3

Em 2020, o quarto volume do Prato Firmeza chegou para reinventar o projeto. Com a reformulação da estrutura da Énois, e encerramento da Escola de Jornalismo, o guia explorou a territorialidade negra. A ideia nasceu da parceria com a Feira Preta, no ano anterior. Durante a pandemia do coronavírus, a equipe de Produção e Distribuição da Énois cuidou da coordenação e edição do projeto. Gabriella Mesquita e Guilherme Petro, ex-estudantes da Escola de Jornalismo, foram os residentes responsáveis por coordenar a produção de entregas e degustação e a edição do guia. Os repórteres, desta vez, foram jornalistas da Agência MuralAlma PretaPeriferia em MovimentoPreto ImpérioVozes das Periferias e da Énois.

Além do guia impresso, a quarta edição também tem versão online e em podcast.

Baixe gratuitamente o seu Prato Firmeza Preto!

Comida de Quebrada, a websérie

Em 2018, a turma da Escola de Jornalismo listou 4 empreendimentos gastronômicos mapeados pelo Prato Firmeza pra transformar suas histórias em episódios da websérie Comida de Quebrada, em uma parceria com a Tv Folha. Você pode assistir e conhecer mais sobre os restaurantes clicando aqui.

Prato Firmeza 2, o audiolivro

Ouça as resenhas do segundo volume, gravadas pela turma da Escola de Jornalismo de 2017.

Faça o seu guia!

Em 2019, lançamos o Guia Metodológico Prato Firmeza com o passo a passo da pauta à distribuição. Aqui você encontra aulas dadas, objetivos, cronograma, orçamento do projeto, impactos e estratégias de financiamento. Tudo disponível gratuitamente pra que você consiga trabalhar se espelhando na nossa experiência. Baixe aqui o PDF.

Trabalha em uma biblioteca comunitária, escola ou organização educativa? Escreva pra gente no pratofirmeza@enoisconteudo.com.br para combinarmos o envio de alguns exemplares impressos do guia metodológico.

Saiu na mídia

 

Volume 3

 

Volume 2

 

Volume 1

FacebookInstagramInstagram